terça-feira, novembro 15, 2005

Song For My Mother

Minha querida mãe, agradeço-te do fundo do coração por me teres moldado as formas com que nasci. Sabes, tu e o meu pai foram durante muitos anos as pessoas mais importantes para mim.
Ainda bem que nasci e cresci numa terra perto do mar onde se ouviam os pássaros e as ondas em simultâneo. Aqui há dias, quase consegui recriar esse ambiente perto do antigo moinho da Charruqueira.
Quando começamos a andar e a crescer,mãe, (onde é que eu já ouvi isto ?) uns vão mais devagar (olá Silvestre), outros mais ou menos, e alguns mais depressa, tal como as vozes desta música que fiz e te dedico. Claro que assim, as pessoas, tal como as vozes, não ligam lá muito bem, quanto a mim só aparentemente, porque se ouvires com atenção vais ouvir uma diversidade rítmica interessante. Tal como nós, que temos que acertar as agulhas na direcção correcta, de forma que , em paz , consigamos atravessar esse teu deserto que é a velhice.
Que os sons desta música te ajudem a sorrir e a encontrar a paz de que tanto precisas.
Deste teu filho que te ama.

(Para ouvir a música carregue aqui e selecione o tema nº 10 )

2 Comments:

Blogger jm disse...

Dedico este texto ao meu amigo, psicólogo e guitarrista,Zé Francisco.

6:10 da tarde  
Blogger Estudo Geral disse...

Fortíssimos, o texto e a música. Parabéns.

7:41 da tarde  

Publicar um comentário

<< Home